quarta-feira, 12 de maio de 2010

Apotegma

No escuro do mundo, a pulcritude inexiste. É lá que vive a urgência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Falhe conosco